35 anos de ”So”: O disco mais popular de Peter Gabriel.


Peter Gabriel conseguiu desenvolver uma carreira solo tão grande quanto no Gênesis, sua ex banda. O músico atingiu números impressionante e se mostrou muito inventivo e talentoso. Cada disco solo conta uma história própria e hoje o seu disco mais popular está completando exatos 35 anos, o ”So”!

Peter Gabriel havia trabalhado na trilha sonora do filme Birdy em 1984, após isso ele reuniu um time imensurável de músicos de estúdio. Genial como é, ele estava atento sobre como a sonoridade do Pop estava sendo executada, o ”Thriller” havia sido lançado em 1982 e mudou como os hits vinham sendo compostos.

Até então Peter Gabriel não havia feito nenhum disco que realmente fosse comercial e mais palatável. Apesar de muito bons, os discos não apresentavam hits, e todos eram intitulados como ”Peter Gabriel”. Foi então que no ano de 1986, Peter resolveu fazer diferente, reuniu um time enorme de músicos, apostou numa sonoridade bem popular e palatável, mudou a estética sonora e batizou o disco como ”So”.

O disco traria 3 dos maiores clássicos de sua carreira solo, desta vez as composições radiofônicas viriam para fazer um enorme sucesso. E não só sonoramente Peter faria um novo investimento, o disco traria videoclipes revolucionários para a época.

Com diversas camadas sonoras, Peter Gabriel passaria por vários gêneros e entregaria um disco pop porém não óbvio. Ele já abre com ”Red Rain”, uma faixa cheia de elementos, meio enigmática, em alguns momentos o vocal dele lembra o de Springsteen. Com certeza o maior destaque não só do disco mas de toda a sua carreira é ”Sledgehammer”, um hit incontestável, uma composição pop perfeita e muito bem executada, acompanha um videoclipe verdadeiramente revolucionário, grande momento. Outro destaque gigante é ”In Your Eyes”, uma balada que fecha o disco, bastante sensível porém com muita presença, fechando um dos grandes discos de 1986.

De considerações finais, ”So” é considerado por muitos, um dos melhores discos de todos os tempos, não está entre os meu favoritos da vida, mas é de fato um disco muito importante e especial. Foi o disco chave da carreira solo de Peter Gabriel e solidificou de vez seu nome na história. Fica a nossa homenagem!

Autor: Neto Rocha

23 anos, e grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s