55 anos de ”Between The Buttons”: O crescimento dos Rolling Stones.

Em 1967 os Stones ainda se encontravam numa fase meio inocente. Eles evoluíram gradativamente e neste icônico ano, um passo muito importante foi dado, o lançamento de um disco que nem é tanto citado mas que é um belíssimo trabalho, o ”Between The Buttons”. Não por um acaso ele está completando 55 anos hoje! Vamos falar sobre ele!

Até então, a banda vinha do lançamento do ”Aftermath” de 1966, um disco que já nos mostra uma bela evolução do grupo. No ano seguinte, os Stones seguiram firmes em busca de melhorar seu som e no dia 20 de Janeiro de 1967, exatos 55 anos atrás, eles colocaram nas lojas o ”Between The Buttons”!

Aqui, o som da banda não mudou drasticamente, mas eu pelo menos, noto uma grande aposta da banda em diversas pitadas de estilos em cada composição, eles não seguem uma zona de conforto barata, isso deve ser enaltecido. E pra mim, super funcionou! Brian Jones mais uma vez veio com instrumentos bem diferentes que fizeram a diferença!

As músicas que mais impactam nesse trabalho mas que a maioria ainda assim não fizeram parte dos setlist da banda até os dias de hoje são: ”Let’s Spend The Night Together”, essa sim teve algumas performances posteriores e sem dúvida é a grande música desse disco, uma faixa muito bacana e empolgante! ”Ruby Tuesday” eu considero uma balada completamente subestimada da banda, uma grandíssima composição, a perfomance de Mick Jagger é perfeita! ”Cool, Calm And Collected” é uma grande música psicodélica, bem a cara do que rolava na cena naquele ano.

De considerações finais, ”Between the Buttons” é um disco muito interessante. Infelizmente é pouco citado e escutado pela galera num geral, eu confesso que eu também demorei um pouco para visita-lo com mais frequência, porque ele não tem aquele Rock mais épico que a banda desenvolveu mais pra frente. Mas aos poucos você vai admirando ele de uma maneira diferente! Espero que dêem uma atenção maior nesses 55 anos de seu lançamento!

Autor: Neto Rocha

24 anos, e grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.

2 pensamentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s