50 anos de ”Moondance”: A grande virada no início da carreira de Van Morrison.

Van Morrison é um dos artistas mais versáteis de todos os tempos. Diferente de David Bowie, por exemplo, Van não apostou em discos completamente diferentes em sua sonoridade e estilos, mas dentro de cada disco em faixa após faixa, ele empregou uma sutilidade de diversos estilos, o que enriqueceu muito seus trabalhos e tira aquela monotinia em uma audição, e ele sempre nos entregou o mesmo nível de qualidade, seja numa simples balada ou em algo mais enérgico e dançante.

Um dos álbuns que retrata muito bem essa versatilidade e qualidade do nosso querido Van, é seu primeiro grande sucesso, o ”Moondance” que completa 50 anos no dia de hoje.

Van Morrison 1970
“Ninguém sabia o que eu estava procurando, exceto eu, então apenas o fiz”.

Após deixar o Them, Van teve um pouco de dificuldade para decolar em carreira solo. Trabalhou e lançou seu primeiro álbum solo ”Astral Weeks”, que não fez tanto sucesso e apenas anos mais tarde, esse álbum foi revisitado e em fim colocado na galeria de discos clássicos. Visto que ”Astral Weeks” não fazera o sucesso esperado, Van Morrison muda a estratégia e opta por fazer um disco diferente, desta vez com canções mais acessíveis que pudessem abranger um público maior, e em ”Moondance” ele finalmente alcança um sucesso imediato de crítica e de público.

Falando um pouco das faixas, o álbum abre com a balada ”And It Stoned Me”, num estilo até meio country, aqui Van nos mostra logo no início do disco, um ligeiro amadurecimento musical e uma sofisticação maior em comparação ao seu trabalho anterior ”Astral Weeks”. O disco também conta com alguns clássicos da carreira de Van Morisson, como a própria faixa título, daquelas músicas que transcendem tudo, com fortes elementos jazzísticos, ”Moondance” já nasceu um clássico, uma composição que altera o estado de espírito do ouvinte. Outra faixa obrigatória do disco é ”Caravan”, uma das melhores de toda a carreira de Van, só a intro de piano já vale tudo. ”Into the Mystic” é a balada mais bela do disco, sensível na voz doce e única de um dos maiores intérpretes de todos os tempos.

O disco ”Moondance” foi um marco dentro da carreira discográfica de Van Morisson. Graças a ele, Van deu um passo enorme ao sucesso comercial e de crítica, muito se deu pela coragem de Morrison em produzir o disco por conta própria em busca da sonoridade que ele acreditava ser a mais adequada. Com certeza, o disco se encontra entre os melhores da história da música e merece demais a devida atenção nos 50 anos de seu lançamento.

Van Morrison Moondance

 

Anúncios

Autor: Neto Rocha

22 anos, atleta de futebol e grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.

Deixe um comentário