”Heroes”: A esperança por trás da voz de David Bowie.

O Entre Acordes rompe os muros do quadro As 100 melhores canções de todos os tempos para falar de “Heroes” uma canção lançada em 1977 por David Bowie.

Bowie 1977

Essa musica que faz parte do álbum homônimo, conhecido também como o segundo álbum da trilogia de Berlim. Foi um momento que David Bowie estava morando na Alemanha dividia por um muro. E essa referencia você consegue perceber na letra. A musica fala de um romance de conto de fadas limitado por uma opressão e de um beijo dado próximo a um muro que em questão sabemos que é o famoso muro de Berlim. A canção escrita por David Bowie e Brian Eno, teve como pano de fundo um acontecimento real. Esse fato ocorreu entre o produtor Tony Visconti e sua namorada próximo ao muro. Apesar da canção não ter estourado nos Estados Unidos e Reino Unido no seu ano de lançamento. Ela se tornou uma marca de esperança e um hino sobre a liberdade.

A letra chama atenção para a dificuldade que temos em sermos nós mesmos, e chama atenção para valorizarmos dentro das oportunidades que surgem ou que criamos através da vida. A liberdade que tanto se quer com uma esperança de “nadar com golfinhos”, às vezes presa na simples dificuldade de sermos nós mesmos. A canção tem uma força de um hit qualquer da carreira tão brilhante de David Bowie. Ela deixa de usar o sentido literário para se tornar real, quando o cantor faz uma apresentação em 1987 na Berlim Ocidental. Muitos falam que isso foi um grande catalisador para queda do muro, que teve sua verdadeira queda anos depois. Inclusive David Bowie foi homenageado após sua morte com um agradecimento por ajudar a derrubar o muro.

A canção se torna atual quando podemos olhar para ela e vê que os muros imaginários sociais vêm cada dia oprimindo mais não só casais como os da letra. Como também o relacionamento na escolha de como amar e quem amar. As escolhas politicas, religiosas e a liberdade do indevido de viver como ele mesmo gostaria de ser pelo menos por um dia. A leveza de ser quem realmente é, e nunca querer ser enquadrar em padrões que são como roupas que não nos cabe. O grito que Bowie da na canção é uma voz que sai para quebrar os muros e barreiras dos preconceitos que há tempos vem atrasando uma real liberdade de vivermos bem sendo-nos mesmo e respeitando as escolhas e liberdade do próximo. A canção fala que todos nós podemos ser um herói pelo menos um dia. Que possamos gritar e não perder a fé por dias melhores nessa luta como verdadeiros heróis quebrando os muros que limitam a vida através dos preconceitos e opressão.

27/100

Anúncios

Autor: Neto Rocha

22 anos, atleta de futebol e grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.

Deixe um comentário