The Dip mostrando que o Soul atual pode ser relevante.

Soul é um gênero que eu considero impossível não agradar o ouvinte, muito versátil e carrega diversos estilos embutidos. Dessa nova geração, além do já recomendado ”St Paul And Broken Bones” outra banda num estilo parecido e que merece a nossa atenção é o The Dip!

The Dip Band

Formanda na movimentada cena atual de Seattle, a banda chega com uma boa sofisticação em suas composições mas ao mesmo tempo com um certo revival das bandas de soul setentistas, só que aqui eles são tão leves e palatáveis que você acaba nem reparando nestes detalhes, é o tipo de banda que agrada todo mundo.

Até o momento, The Dip conta com 2 lançamentos, seu disco homônimo de estreia que é a grande recomendação de hoje e o segundo lançado recentemente ”The Dip Lovers” um trabalho bastante consistente não deixando o nível cair.

Os integrantes possuem boas referências musicais tanto do blues quanto do soul e souberam muito bem imprimir essas referências nestes dois trabalhos que caminham numa linha pop do jeito que todos os artistas deveriam seguir, compondo músicas que poderiam muito bem estar numa trilha sonora de um grande filme até músicas para tocar na reunião dos amigos como plano de fundo.

Acho bacana que existam bandas atuais de bom gosto no estilo do The Dip, apesar de não ser nada revolucionário nem uma obra prima, ela cumpre seu papel de disseminar música de qualidade no cenário deplorável do mainstream atual! Fica a recomendação!

The Dip Album

Autor: Neto Rocha

23 anos. Grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.

Deixe um comentário