55 anos de “Smiley Smile”: A megalomania dos Beach Boys.

Sim, meus amigos. É comum esses grandes artistas geniais iniciarem obras grandiosas e pretenciosas, muitos deles acabam sucumbindo dentro de suas ideias e dificultando o andamento desses projetos, isso acabou acontecendo com o disco “Smiley Smile” dos Beach Boys, que hoje está completando 55 anos! Chegou a hora de falarmos sobre ele!

Em 1966 os Beach Boys haviam se inspirado com o lançamento do disco “Rubber Soul” dos Beatles, e após grandes evoluções musicais e novas apostas a banda fez o disco “Pet Sounds”, que é uma das maiores obras da história do Rock. E enquanto isso os Beatles seguiram evoluindo também e lançaram os fantásticos “Revolver” e “Sgt Peppers”. Isso mexeu com a cabeça do genial Brian Wilson que se viu muito motivado para seguir trabalhando num próximo trabalho ainda mais pretencioso!

Neste próximo disco, ele apostaria num conceito de disco mais fechado, interligado, coisa que até então não havia sido feita até então. Para isso ele reuniu diversos instrumentos exóticos, ideias mirabolantes e inserções sonoras que remeteria diretamente ao psicodelismo, movimento característico naquele período da década de 60.

Por conta da alta demanda de elementos e super conceitos difíceis de serem compreendidos, a a banda acabou não conseguindo conlcuir a ideia dele ser um disco duplo e naquele momento o “Smiley Smile” teria que ser lançado como um trabalho simples. Embalado por uma música simplesmente genial que é “Good Vibrations”, o disco recebeu notória popularidade e foi um dos grandes lançamentos do ano de 1967.

Posteriormente, décadas depois, Brian Wilson acabou retornando ao projeto do disco e o finalizou, intitulando-o como “Smile”, e de fato ficou muito bacana essa versão final, mais bem trabalhada! Mas e ai? Você curte o Smile? Ou prefere um Beach Boys mais pop?

Autor: Neto Rocha

24 anos, e grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.