”Timeless”: O Jazz Fusion no seu mais alto nível, com John Abercrombie.

Hoje vou recomendar um disco maravilhoso e não muito conhecido pelo grande público ”Timeless”, um clássico do Jazz Fusion por John Abercrombie. Mais um clássico da lendária gravadora ECM Records.

John Abercrombie 1975

Logo em sua estreia, o guitarrista John Abercrombie nos apresenta um disco redondo e perfeito. A banda era formada por ele, Jack DeJohnette na bateria e Jan Hammer no piano, órgão e sintetizadores. O trio compôs um disco de Fusion no mais alto nível do virtuosismo aliado á um lirismo maravilhoso.

Ao colocar a agulha no disco já nos deparamos com ”Lungs” um instrumental desenfreado na iminência de atropelar nossos ouvidos. Ao longo de seus 12 minutos ela transita da porrada inicial até sua metade e depois caminha para algo mais climático e espacial com auxílio de sintetizadores, bela abertura. A seguinte, ”Love Song” é a minha favorita de todo o disco, apesar de ser bastante diferente da maior parte do disco, ela faz um contraponto muito interessante e faz as lágrimas chegarem aos nosso olhos. Outro grande ponto alto do disco é a faixa título e encerramento, um épico inexplicável daquelas músicas para ouvir no fone, em um quarto escuro e de olhos fechados. Uma viajem espetacular.

”Timeless” entrega exatamente o que lhe é estampado, é um disco atemporal, fantástico e surpreendente, ele não segue uma linha lógica no decorrer de cada uma das faixas. É lindo, grandioso e merece muito que os fãs de Jazz Fusion corram atrás dessa belezinha!

Timeless Album Cover.jpg

Autor: Neto Rocha

23 anos. Grande entusiasta de uma das coisas mais poderosas inventadas pelo homem, a música.

Deixe um comentário