Laughing In The Purple Rain!

Uma canção pode ser bela, grandiosa, emocionante, mas poucas chegam ao patamar de Purple Rain. Achei que nenhuma introdução seria digna desse fenômeno, mas, acho que deu pra ter uma noção da estrela do nosso “As 100 Melhores Canções de Todos Os Tempos” de hoje!

Primeiro, há de se ressaltar o fenômeno que era Prince naquela altura dos anos 80. Vindo do lançamento da obra-prima “1999”, ele já havia emplacado uma série de hits, mas o lendário “Purple Rain” (1984) veio, literalmente, como um blockbuster. Afinal, além de um disco absolutamente fenomenal, Prince ainda estreou o filme de mesmo nome, e esteve, literalmente, no topo do mundo.

A última canção do álbum e simplesmente a síntese do que foi Prince, “Purple Rain” já nasceu um clássico. Uma Power Ballad como poucas, ela vai aos poucos se envolvendo nos versos extremamente confessionais de Prince (que dialogam diretamente com o filme) por cima de uma guitarra lotada de chorus e simplesmente divina. E, falando em guitarra, chegamos ao Grand Finale com o que é, simplesmente, um dos momentos mais divinos da história da música. O solo de Prince é vívido, lírico, nos faz chorar, um misto de emoções que, sinceramente, é raro de encontrar. Se o mundo for se acabar, que seja na chuva púrpura!

Por fim, lhes deixo com a palavra da lenda, que explica tudo em poucas palavras:

“Quando há sangue no céu … vermelho e azul = roxo. A chuva roxa diz respeito ao fim do mundo e estar com quem você ama e deixar sua fé/Deus guiá-lo pela chuva púrpura.”

Prince
 
 
 
40/100

Autor: Caio Braguin

16 anos, baterista, aficionado por música (e todas as formas de arte) desde o berço. Música é minha vida!

Deixe um comentário