Jeff Beck : 45 anos de Blow by Blow

Após contribuições importantíssimas para o rock e a guitarra no fim dos anos 60 e início dos 70 com Yardbirds, Jeff Beck Group, e Beck, Bogart & Appice, Jeff Beck se virou para o Jazz Fusion no que se transformou seu renascimento musical, e seu período mais fértil, e que se transformou em Blow By Blow, nosso disco aniversariante de hoje.

Em Blow By Blow, com Jeff Beck, se aliou o quinto beatle George Martin na produção mas, como ele mesmo descreve, apenas para captar os sons criados pela engenharia de Beck e seus colaboradores. Portanto Martin não foi uma peça fundamental para o projeto, mas garantiu uma excelente produção, o que é importante não? Também chegou junto a lenda Stevie Wonder, “apenas” escrevendo a melhor música do disco de longe e entregando uma participação matadora no clavinete em Thelonius, mais uma música dele.

A banda é extremamente importante, e é formada pelo jazzista Max Middletown, que pinta os climas e cria o terra fértil para o show de Jeff Beck, além da pegada seção rítmica de Phil Chen e Richard Bailey. Volto a frisar, a banda é muito importante. Em termos de som temos um jazz fusion, bem pegado, muito funkyado, e bem sentimental. Cause We’ve Ended as Lovers é algo celestial, uma melodia que está num patamar de Careless Whisper de George Michael ou Starless do King Crimson, e é a grande música do disco, aquela que até os que torcem o nariz pra essa coisa toda de Fusion devem ouvir. Outro destaque seminal é Freeway Jam, que disco maravilhoso é esse…

Em termos de guitarra, o que Jeff Beck tem para nos entregar em Blow By Blow é de outro planeta. Sua guitarra é vocal e expressionista além dos limites. Bends, slides, dinâmica, feel, sua pirotecnia com o volume da guitarra, com a Whammy Bar, tudo isso formando um arsenal, que ostenta sua variedade em uma coleção de momentos que brincam com seus sentimentos. Peguei pesado aqui não? Mas o que Beck faz aqui é realmente de outro planeta, e eu pessoalmente sou muito tocado por esse disco. Bom, mas uma efeméride de assustar: 45 anos já. Incrível como nossos músicos de elite estão ficando velhos. Faço a todos um convite a ouvir e celebrar Blow By Blow!!!

Autor: allanfranzner

Guitarrista, amante e entusiasta da música, principalmente do rock n' roll!

Deixe um comentário