Elevando o Status!

O Rock and Roll do final dos anos 60 e início dos 70 gerou grandes frutos como Cream, Free, Led Zeppelin, Deep Purple etc. No entanto, há outras bandas que não têm um grande reconhecimento como as supracitadas mas que também faziam seu barulho ser ouvido; uma dessas bandas é a britânica STATUS QUO, quarteto de Londres composto por Francis Rossi (guitarra), Alan Lancaster (baixo), Rick Parfitt (guitarra) e John Coghlan (bateria).

SQ2

Lançaram seus dois primeiros discos ainda nos anos 60, com uma sonoridade altamente psicodélica, mas é a partir dos anos 70, mais precisamente em 1972, com o disco Piledriver que a banda chega nas paradas de sucesso no Reino Unido e atingiria uma marca impressionante de ter por 10 anos consecutivos um disco entre o top 5 da parada inglesa. Foram 11 álbuns nesse período, no qual 4 chegaram ao topo das paradas.

E é justamente um desses álbuns ”número 1” que hoje está completando 45 anos, o ótimo On The Level. Apesar de não ter nenhum virtuose na banda, eram composições absolutamente honestas e sinceras, à lá Rolling Stones: Riffs de guitarra poderosos, refrãos alegres e animados e as baladas obrigatórias para qualquer banda de Rock.

Uma curiosidade não muito comum é o fato da banda contar com três vocalistas. Rossi, Lancaster e Parfitt dividiam esta missão, o que dá um tempero a mais ao grupo, já que podemos notar as particularidades de cada um mais facilmente.

SQ3

O grande hit deste disco foi ”Down Down” (que não é a do BTO), porém destaco também as excelentes ”Little Lady”, ”Nightride”, I Saw The Light”, o cover de ”Bye Bye Johnny de Chuck Berry e a minha favorita ”Broken Man”. Se você gosta de Hard Rock setentista deve conhecer Status Quo, uma ótima pedida do gênero. Ouçam e comprovem!

A Text by @lukaspiloto7twister

Anúncios

Autor: Luc Rhoads

Um grande apaixonado por música e aventuras. Carioca, estudante de Educação Física, professor de inglês e vascaíno doente.

Deixe um comentário