35 anos de um dos discos mais importantes da história do Rock BR

Logo na primeira semana do ano de 1985, um dos maiores fenômenos da história da música Pop/Rock nacional surgia com seu ótimo e hoje cultuado disco de estreia: “Legião Urbana” (1985).

Logo após o incrível impacto que o Brasil passou com a realização do primeiro Rock In Rio, e da grande abertura política que o país atravessaria com o fim da ditadura militar, os jovens da época ganharam uma nova perspectiva daquilo que iriam consumir culturalmente, e de como iriam se portar como cidadãos. O resultado foi a estabilidade cada vez maior e mais popular de grandes bandas surgidas na primeira metade dos anos 80 como Titãs e Paralamas Do Sucesso, e o surgimento de uma quantidade imensa de bandas que iriam chacoalhar o corpo e a mente da juventude da época.

Uma dessas bandas surgidas nesse cenário foi justamente a Legião Urbana, que logo em seu LP de estreia, conseguiu quase de imediato, atingir o público jovem que queria ser levado à sério, e que encarava a nova condição do seu país como uma nova responsabilidade. Ou seja, a Legião Urbana inteligentemente soube para qual público apontar suas canções, alcançando o sucesso numa velocidade impressionante, pois nenhuma outra banda brasileira da época transmitia seu discurso daquela maneira e com tamanha destreza, carregados de rebeldia, e temperados por um romantismo cinza e amargo. A sonoridade extremamente influenciada pelo revolucionário Punk e Post Punk inglês de bandas como Sex Pistols e Joy Division, que causaram uma ruptura sem precedentes no mundo todo no final dos 70 ao início dos anos 80, também foi um fator determinante para a explosão do fenômeno Legião Urbana.

Vale destacar também que logo em seu primeiro álbum, a banda lançou canções sensacionais que se tornaram clássicos inquestionáveis como “Será”, “A Dança”, “Ainda É Cedo”, “Geração Coca-Cola”, entre outros. O som direto e raivoso da banda, unido a poesia melancólica, dilacerante e provocativa de Renato Russo com sacadas poéticas geniais, foram fundamentais para que a Legião Urbana se tornasse esse algo gigantesco como conhecemos hoje. Depois de 35 anos, a estreia da Legiao Urbana é sem dúvida um dos discos mais importantes da história do Rock nacional, e que muito auxiliou no surgimento de uma nova percepção a respeito do Rock brasileiro por parte de um público que nunca havia ouvido Rock na vida. Viva Renato Russo e companhia.

Autor: Felipe Silva

28 anos, paulista, corinthiano, e o mais importante, consumidor compulsivo de música! Rock, Soul, Funk, Blues, Jazz, MPB, que a música boa seja exaltada independente de gênero. God bless you all.

Deixe um comentário