No Quarter: 25 anos da reunião acústica de Page e Plant

O Led Zeppelin foi, durante toda a sua existência, um quarteto de rock n’ roll, e desta maneira imaginamos seus integrantes. No entanto, faz hoje 25 anos de lançamento de uma reunião de dois destes artistas que, ao invés de alguns caras e alguns amplificadores (sem desmerecer isso, pelo contrário, que fique claro), nos entregaram um acústico acompanhado de uma orquestra com instrumentos exóticos e forte influência da música Oriental e Norte-Africana. Estamos falando aqui de “No Quarter”, de Robert Plant e Jimmy Page, que seremos redundantes em mencionar que são, respectivamente, o vocalista e o guitarrista do Led.

O disco foi gravado no País de Gales, em Londres, e no Marrocos, e conta com reedições de clássicos do Led Zeppelin com muita peculiaridade, como “No Quarter”, “The Battle of Evermore” e “Kashmir”, além de “Yallah”, “Wonderful One” e “City Don’t Cry”, lindas composições médio-orientais e marroquinas compostas especialmente para o acústico.

No final, o disco foi um sucesso e ainda com um line-up reforçado, a dupla excursionou o mundo em uma turnê que passou pelo Brasil em 1996 com o icônico show no Hollywood Rock. No Quarter: Jimmy Page and Robert Plant Unledded é um grande acústico e uma semi-reunião de uma das maiores bandas da história e, olhando 25 anos para trás, podemos considerá-lo uma ótima investida destas lendas do rock!

Autor: allanfranzner

Guitarrista, amante e entusiasta da música, principalmente do rock n' roll!

Deixe um comentário