On Time: 50 anos da estréia do melhor power trio americano

Famosa pela cena da Motown nos anos 60 e 70, a cidade de Detroit tem muito mais a oferecer na época do que Funk, R & B e Soul, e não é a toa que lá nasceu o melhor power trio americano: o Grand Funk Railroad. Formado em 1964, o Grand Funk chegou a sua formação clássica em 1968, com Mark Farner, Don Brewer e Mel Schacher. O som da banda refletia o gosto de jovens que além da música predominante em sua região amavam o blues-rock pegado de bandas como o Cream e Jimi Hendrix Experience.

Em julho de 1969, a grande virada da banda aconteceu: fizeram a abertura do Atlanta Pop Festival, que contava simplesmente com Janis Joplin e Led Zeppelin em seu line-up, e um público de 180 mil pessoas. A banda tocaria abrindo os três dias do festival, mas sua primeira apresentação foi tão bem-sucedida que foram promovidos a headliners no último dia. Três semanas depois, a atenção chamada fez com que lançassem com a Capitol Records seu primeiro single: Time Machine. E em mais algumas semanas foi lançado sua grande estréia: “On Time”.

“On Time” é uma pedrada que demonstra um power trio a todo vapor, com o devido destaque dado a cada instrumento na mixagem. Vale frisar que apesar do destaque de Mark com suas guitarras e principalmente vocais, o que realmente se sobressai é a cozinha de Don e Mel, com um trabalho brilhante e poderoso que dava muita química para a banda. Os destaques vão para Are You Ready, Anybody’s Answer, Into The Sun, e as lindíssimas Heartbreaker e Can’t Be Too Long. A única crítica que faço é o gorduroso e monótono solo de bateria de T.N.U.C.

On Time não é a obra-prima do Grand Funk, mas foi a estréia que abriu caminho para uma grande obra, e um sucesso que começou a ser alcançado. Convido a todos uma audição em comemoração ao aniversário desta grande obra!

Anúncios

Autor: allanfranzner

Guitarrista, amante e entusiasta da música, principalmente do rock n' roll!

Deixe um comentário